Quarentine Mood: livros para curtir o isolamento

Escrito por Blank Basics

Em tempos de quarentena, sem dúvida um bom livro pode ser o seu par perfeito. Afinal, nada melhor que a companhia de um livro para curtir o isolamento e relaxar em casa não é mesmo?

Por isso, trouxemos dicas de livros icônicos e inspiradores para mulheres empreendedoras e empoderadas como você! Se ainda não leu, essa é a hora, se já leu, que tal revisitá-los?

3 livros para curtir o isolamento

O Grande Gatsby

The Great Gatsby, terceiro romance de F. Scott Fitzgerald, publicado em 1925 pelos filhos de Charles Scribner. Situado na era do Jazz Nova Iorquino, o romance conta a trágica história de Jay Gatsby, um milionário self-made, e sua busca por Daisy Buchanan, uma jovem rica que ele amava em sua juventude. Sem sucesso após a publicação, o livro agora é considerado um clássico da ficção americana e costuma ser chamado de O Grande Romance Americano.

O Segundo Sexo

O Segundo Sexo (francês: Le Deuxième Sexe) é um livro de 1949 da existencialista francesa Simone de Beauvoir, em que a autora discute o tratamento das mulheres ao longo da história. Beauvoir pesquisou e escreveu o livro em cerca de 14 meses entre 1946 e 1949. Ela publicou em dois volumes, Facts and Myths and Lived Experience (Les faits et les mythes e L’expérience vécue em francês). Um dos livros mais conhecidos de Beauvoir, O Segundo Sexo é frequentemente considerado como uma obra importante da filosofia feminista e, sem dúvida, o ponto de partida do feminismo de segunda onda.

O Sol é Para Todos

O romance inesquecível de uma infância em uma sonolenta cidade do sul e a crise de consciência que a abalou, O Sol é Para Todos tornou-se um best-seller instantâneo e um sucesso crítico quando foi publicado pela primeira vez em 1960. Ele ganhou o prêmio Pulitzer em 1961 e mais tarde foi transformado em um filme vencedor do Oscar, também um clássico. Compassivo, dramático e profundamente comovente, O Sol é Para Todos leva os leitores, surpreendentemente, às raízes do comportamento humano – à inocência e experiência, bondade e crueldade, amor e ódio. Agora, com mais de 18 milhões de cópias impressas e traduzidas para quarenta idiomas, essa história regional de uma jovem mulher do Alabama reivindica apelo universal. Harper Lee sempre considerou seu livro uma simples história de amor. Hoje é considerado uma obra-prima da literatura americana.

Já leu algum desses livros? Conta pra gente então o que achou e aproveita para compartilhar suas dicas também do seu livro preferido para curtir o isolamento!

__________

Veja também:
Trend Alert: Mangas Bufantes.
Dica de make: 3 bases leves para o dia a dia.